Publicado em 9/junho/2014

Tem boi na linha?
A luta por uma rede mais livre, encampada pelo movimento Reset the Net — idealizado nos Estados Unidos — também tem mobilizado usuários de internet no Brasil. “Tem boi na linha?” é um guia prático de combate à vigilância por parte de governos e instituições privadas, destinado a ativistas, jornalistas e outras pessoas que desejem proteger suas informações.
O nome do manual parte de uma expressão popular usada quando há intrusão em algum tipo de comunicação. “Esses bois não são inofensivos, e podem inviabilizar as ações de um grupo, expor os ativistas e favorecer a repressão”, destaca o guia.

Saiba como se defender

Fique livre dos bois.
A cartilha enumera ameaças e riscos existentes ao navegar na internet; oferece instruções sobre como se defender da vigilância e garantir privacidade e segurança no envio e recepção de dados; e apresenta dicas relacionadas ao uso de redes sociais e celular. A mudança de alguns hábitos e a utilização de criptografia e de softwares livres podem proporcionar um bom nível de privacidade, ainda que não garantam segurança total.
Os autores chamam atenção para o uso de senhas fortes e indicam uma ferramenta que testa o nível de segurança das suas chaves. O guia também mostra a importância de navegar e trocar e-mails de forma anônima e criptografada. Outra recomendação é utilizar a ferramenta Tor.

Realização

Realizado pelo Centro de Mídia Independente do Rio de Janeiro – CMI-Rio – e gaivotas, o projeto foi selecionado no  Contralab – Laboratório tático contra repressão, organizado pela Nuvem – Estação Rural de Arte e Tecnologia.
Leia o guia “Tem boi na linha?”.

Palavras-chave , , , , , , ,

1 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *